Governo “arrocha” salário mínimo

3 jan

Caros leitores, o que se previa foi confirmado hoje: o poder de compra do salário mínimo diminuiu!

Com a divulgação dos dados oficiais da inflação pela Fundação Getúlio Vargas, constata-se que o pobre perdeu dinheiro. Isso não ocorria desde 1997.

Enquanto o reajuste do governo é de míseros R$ 30,00 – de 510 para 540 – a inflação avançou 6,41% – INPC. Isso corresponde a uma perda de 0,5%.

A situação é mais crítica do que aparenta, já que o pobre que recebe o mínimo gasta a maior parte de seu salário com alimentos, obviamente. E a inflação medida dos alimentos chega a quase 10% em 2010.

Ou seja, a situação econômica que transparecia controlada, deve piorar, e o governo terá de tomar medidas impensáveis durante a campanha eleitoral, não é mesmo?

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/854421-reajuste-do-minimo-ficara-abaixo-da-inflacao-pela-1-vez-em-14-anos.shtml

Disso extrai-se que:

  1. O povo precisa aprender a votar e a cobrar. Enquanto eleger o parlamentar que aprova para si reajuste de mais de 60%, e de mais de 130% para a presidente e ministros – que, devido ao efeito cascata, vai gerar bilhões de gastos aos cofres públicos – e o salário mínimo for arrochado, continuaremos sendo a República das Bananas.
  2. Lula e o PT gastaram demais para eleger Dilma.
  3. O consumismo, carro chefe da campanha do PT, começa a ruir. O governo já anuncia o corte de gastos – inclusive de educação, que nunca foi prioridade para o partidão – e de investimentos. As privatizações, que foram colocadas durante a campanha como o mal tucano a ser derrotado nas urnas, deverão ocorrer, a começar pelos aeroportos, já que o governo não tem recursos tampouco competência para promover a necessária reforma e desenvolvimento no setor aéreo.

 

Anúncios

Uma resposta to “Governo “arrocha” salário mínimo”

  1. Nélsinês janeiro 9, 2011 às 12:40 am #

    É que o povo precisa ver para crer. Já sabíamos que isso ia acontecer… Quem enxerga através da propaganda, vê a farsa que é e a realidade que há por trás dela. Mas, a maior parte do povo não é capaz disso ou apóia a farsa porque pensa beneficiar-se dela. E há os que a apóiam porque de fato se locupletam com as mentiras aplicadas à nação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: